Participação dos pais no período escolar

Quem nunca ouviu que educação vem de casa? Não só a educação, mas o amor, afetividade, companheirismo e por aí vem. O que deve vir de casa também é a atenção e cuidado com as atividades cotidianas da criança, como por exemplo, ter participação ativa na vida escolar da criança.

É de suma relevância acompanhar recados em agendas, comparecer às reuniões e eventos. Isso não garantirá um título de bom pai ou mãe, mas sim, conduzirá os pais à evolução do filho (a). Além do mais trará boas lembranças e um bom relacionamento com a criança.

Participar da vida escolar é estar inserido na vida do filho, já que a criança passa boa parte do dia na escola. A interação pais versus escola garante à criação a sensação de valorização, de que o pai e a mãe levam a sério as atividades que ele realiza, garantindo o avanço e a motivação da criança e não apenas a sensação de cobrança para que todo dever seja cumprido.

Ajudar o filho (a) com as tarefas enviadas para casa, participar de programas que a escola oferece, incentivando a criança a seguir os mesmos passos, possibilita que o filho tenha mais comportamento cooperativo em sua vivencia social.

Estar presente aumenta os laços entre pais e filhos e a confiança da criança em realizar as atividades do dia-a-dia. Família e escola são duas grandes bases na formação dos pequenos e sendo referências para eles. Essa junção é extremamente importante para a formação e evolução da criança como aluno e como pessoa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp Chat
Enviar via WhatsApp